segunda-feira, 14 de janeiro de 2008

Palmas para o Stieve Andrade e seu Programa!

Foto: sondisantiagu.blogspot.com

Esta segunda edição da rubrica “Palmas” (que resolvi criar de uma hora para a outra) vai para o Stieve Andrade e seu Programa “Secção da Música” (na Rádio Comercial, aos sábados, às 10 da manhã).

Este invisual, que de cego não tem nada, tem proporcionado a vários artistas, principalmente os músicos, a possibilidade de promoverem o seu trabalho. Constitui igualmente uma oportunidade para os ouvintes estarem a par das novidades da nossa música, especialmente as feitas no formato electro-acústico.

Evidentemente, que se pode criticar a permeabilidade do programa, cujo único afunilamento (que chega a ser suave) parece residir nesse contraponto entre o electro-acústico e o electrónico . Mas eu penso que é justamente isso que constitui o sal do Programa: os artistas sentem-se à vontade porque sabem que vão para lá não para estar sob o crivo da crítica voraz, mas sim para promover o seu trabalho. Este facto acaba por fazer com que os artistas se sintam à vontade até para expor partes dos bastidores e dar-nos a conhecer elementos humanos, humanistas, ou humanizantes que concorreram para a feitura da sua obra.

Entretanto, o Stieve está magoado. No passado dia 8 de Dezembro, por altura do 6º aniversário do Programa, ele viu gorada a ideia de organizar algumas actividades de comemoração, devido à quase total indisponibilidade dos artistas (especialmente, os músicos) que, no entanto, já tiveram a oportunidade de promover seu trabalho no programa.

Lembro-me dele ter abertamente manifestado, naquela edição do Programa, a sua decepção com a classe artística nacional residente, especialmente os que ele tinha abordado. Nem mesmo o facto do Dany Spinola e do Tó Alves terem ido lá, assim como o Djinho Barbosa (este para encerrar a edição daquele dia) e do Mário Lúcio ter telefonado, prontificando-se a oferecer dez exemplares do Badyo para o Stieve oferecer aos ouvintes do programa, chegou para sanar a dor que lhe ia (e ainda lhe vai!) na alma.

Confesso que eu, mesmo não tendo sido visado directamente, senti-me envergonhado por essa postura nada dignificante dos que foram abordados e se mostraram indisponíveis, sem terem, todavia, apresentado uma justificação suficientemente convincente.

De qualquer modo, acredito que este momento triste não vai frenar o entusiasmo e a motivação com que todos os sábados ele conduz o seu programa.

Força Stieve!!

1 comentário:

Professor Howdy disse...





There is a time for everything,
a season for every activity
under heaven. A time to be
born and a time to die. A
time to plant and a time to
harvest. A time to kill and
a time to heal. A time to
tear down and a time to
rebuild. A time to cry and
a time to laugh. A time to
grieve and a time to dance.
A time to scatter stones
and a time to gather stones.
A time to embrace and a
time to turn away. A time to
search and a time to lose.
A time to keep and a time to
throw away. A time to tear
and a time to mend. A time
to be quiet and a time to
speak up. A time to love
and a time to hate. A time
for war and a time for peace.

Best wishes for continued ascendancy,
Dr. Howdy

P.S. Here's some blogs & videos
that I found of interest as
I negotiated my way through
cyberspace:


Every Student
My Blog Video
Religion Comparison
Avoid This Place
Danish Cartoons
Arabic Cartoons
Muhammad or Jesus???
Answering Islam
Is Jesus God?
A Short Look At Six World Religions
God's Word in different languages...
How to become a Christian
Who Is Jesus?
See The Word
Watch The Jesus Movie
Spanish Cartoons
German Cartoons
Chinese Cartoons
Italian Cartoons
Greek Cartoons
Japanese Cartoons
Portuguese Cartoons
Around the Well
French Cartoons
Hindi Cartoons
Russian Cartoons
Little Girl
Get Saved?
You & Sin City
Mysterious Disappearance
Evolution Video
The Departure
You Need To See This
'Thought & Humor'


Tell me sometime what your
thoughts are about all this:O)